Agora também aqui

domingo, julho 27, 2008

Screaming

ARRRRGGGGGHHHH

(por n poder gritar pessoalmente, por n ser correcto da minha parte contar aqui o que se passou, mesmo sabendo que o vais ler, este grito demonstra de forma insuficiente a raiva que me fizeste sentir....)

A minha infância, não foi propriamente das mais felizes. Passsei por demasiadas discussões, por demasiadas incapacidades de comunicação, por demasiados gritos, por demasiados silêncios. Não quero isso para mim...

4 comentários:

pinguim disse...

Sofrer em silêncio é sofrer duas vezes.
Grita, grita alto, debaixo de uma ponte, como fazia a L.Minelli no Cabaret, se fôr caso disso, mas grita!!
Abraço.

Aequillibrium disse...

=)

outro...

Momentos disse...

Os silencios resolvem-se com palavras. Por vezes duras, por vezes sem sentido, por vezes magoadas, mas que sempre terminam em equilibrio, bom senso e carinho.

Catatau disse...

E fazes muito bem em não querer!
(Da discussão pode nascer a luz, mas também pode eternizar-se o inferno.)

Blip.fm